Livros

Os primeiros sinais das ilustrações em livros começaram entre os séculos VII e VIII, com as iluminuras. Que é um tipo de pintura decorativa, frequentemente aplicado às letras capitulares no início dos capítulos dos códices de pergaminhos medievais. O termo se aplica igualmente ao conjunto de elementos decorativos e representações imagéticas executadas nos manuscritos, produzidos principalmente nos conventos e abadias da Idade Média. A sua elaboração era um ofício refinado e bastante importante no contexto da arte medieval. Dentre uma das grandes revoluções que o nascimento da imprensa causou popularização – em 1455- tornou-se mais prático  a confecção de ilustrações. E com a invenção da câmera fotográfica a fotografia passou a fazer parte da ilustração, substituindo o desenho manual.

A Virgem e o menino Livro de Horas de Turim

Google images

No mercado editorial atual, os setores que mais utilizam ilustradores são os livros infantis e de ficção, e as vezes manuais técnicos, embora esses venham utilizando cada vez mais a fotografia. A ilustração em livros provoca sensações como o riso de caricaturas ou desenhos engraçados, nos faz absorver melhor uma história com muitos personagens ou que se passa em um mundo totalmente desconhecido e complexo. E torna viável coisas que são difíceis de expressar somente pela escrita. Trabalha no imaginário , palavras envolvidas pela arte (no caso de usar obras famosas para ilustrar algum livro).

Cadeia criativa

Para ser publicado, um livro segue essa cadeia e  passa por esses profissionais. Depois vai para a gráfica, onde será impresso.

2

Para ser inserido no mercado, escritor/ilustrador pode contar com três opções:

Editora, publicação própria e concursos.

O Banco Itaú tem projetos de leitura que envolve doação de livros gratuitos para adultos lerem para crianças. Há também os escritores-leitores, onde um escritor conta quais os personagens da literatura mais o influenciaram, além de relatar como cria e desenvolve suas figuras ficcionais. Leituras de trechos de obras escolhidas pelo convidado completam a programação. Entre outros. Um que eu acompanho de perto é o projeto Leia para uma criança. O Itaú envia livros infantis gratuitamente para a casa das pessoas que pedirem seus exemplares no site. Os livros desse ano são: “O mundo inteiro” de Liz Garton Scalon e Marla Frazee e “E o dente ainda doía” de Ana Terra. Aqui nesse site tem mais informações sobre esse lindo projeto.

Os livros que eu recebi:

itau

Algumas ilustrações retiradas do livro da Ana Terra:

Vídeos do projeto:

Muitos ilustradores dizem que a ilustração de livros infantis é o tipo de livro mais prazeroso de se ilustrar e que há algo especial nesse tipo de ilustração. Muitos se tornam escritores e ilustradores da mesma obra (assim como a Ana Terra em “E o dente ainda doía“). 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s